conflict style

Instrutores descrevem como usar o Style Matters

O que dizem os instrutores sobre o Style Matters

Sobre a combinação dos estilos competitivo e evasivo em situação de estresse

Você pontuou alto nos estilos competitivo e evasivo em situação de estresse. Esta combinação tem características das quais você deve estar ciente.

Um ponto forte dessa combinação é a capacidade defensiva. A tendência será em se engajar fortemente sem ceder (Competitivo) ou se retirar e adiar o processo (Evasivo), mas nunca em se comprometer ou ceder. Esta combinação de estilos será útil onde houver necessidade de liderança, posição que exija uma postura mais intransigente ou onde há um trabalho desafiador que precisa ser feito sem muito apoio social.

Fraquezas: esta combinação também tem limitações que você pode querer treinar para superar. Como estilos de conflito, nem o competitivo nem o evasivo dão relevância aos relacionamentos. O conflito e o trabalho onde os relacionamentos são importantes (o que é a maioria, na verdade) exigirão um esforço especial de sua parte. Se você teve uma pontuação muito mais alta nesses estilos do que em outros, para você pode não ser fácil ouvir e fazer com que os outros entendam o que eles querem e precisam.

A vida provavelmente te colocará em ambientes onde os pontos fortes dessa combinação funcionarão muito bem. Mas para funcionar bem em ambientes familiares, em amizades íntimas, em ambientes construtivos de trabalho, é possível que você precise sair para além da zona de conforto desses dois estilos.

Como usar os pontos fortes desta combinação e evitar seus pontos fracos: Observe especialmente os estilos colaborativo e prestativo para se inspirar. Aprenda a ouvir ativamente e a usar as perguntas com habilidade para ajudar os outros a expressar suas necessidades e interesses.

Em uma situação de conflito, aprenda com as perspectivas dos outros entrevistando-os. Desse modo você usará sua energia e capacidade de se concentrar como uma forma de construir relacionamentos. Seu desafio ao questionar, sem dúvidas, será evitar embates durante esta fase. Concentre-se em ouvir, aprender e compreender e, em seguida, quando retornar ao modo de resposta, utilize-se das informações obtidas.

Ensine a si mesmo a dar um feedback positivo e honesto aos outros. Diga a eles o que eles fazem bem e deixe-os cientes de que você vê e aprecia isso. Você se surpreenderá com o resultado disso na melhora dos relacionamentos e dos ânimos!